05 novembro 2012

Estremeço












Cabe sorte sem sono, um verso

Segue sina sem consorte em reverso

Suave-mente que destempera o inverso

Na melodia dançante, altiva, confesso

Vida vazia esvazia o processo

Fuga de leito demente se faz, estremeço!






(Catita)












32 comentários:

✿ chica disse...

Lindo estremecer...beijos,ótima semana,chica

#*Marly Bastos*# disse...

A insonia tem disso, faz a gente revirar e re-versar a vida.
bjks doces e boa semana Cátia.

Guaraciaba Perides disse...

A insônia também é pródiga em versos!
Um abraço

Sandra Puff disse...

Cátia!!!
Feliz com seu retorno....eu também estou retornando aos poucos.
Amei seu Poema e já está na minha pastas de "preciosidades"...
Adoro esses jogos de palavras...e sei quanto é difícil encontrar a palavra certa para cada linha e pensamento.
Abraço,
Puff, Puff...rs

Dilmar Gomes disse...

Amiga, gostei da confecção do teu poema. Muito bom. Um abraço. Tenhas uma linda semana.

Gisa disse...

Estremeço e vibro com tuas palavras.
Um grande bj querida amiga

Majoli disse...

Ai que estremeço gostoso esse.
Catita querida, poetizas lindamente, amo!!

Beijos meus.

Vera Lúcia disse...


Catita querida,

Eu é que estremeci aqui diante desta fuga demente de leito.(rsrsrs).

Lindo e interessante versar.

Beijão e ótimo início de semana.

Nanda disse...

Bonitos versos. Beijinhos e boa semana

Valéria disse...

Oi Catia!
Que lindos versos neste seu poetar!
Que a insônia traga a sua inspiração nestes jogos de palavras tão bem elaborados.
Beijinhos e uma linda semana!

♥ ♥ Simone Fernandes ♥ ♥ disse...

Muito lindo amiga!
um beijo grande e uma ótima semana XD

MARILENE disse...

Tudo se pode aproveitar quando as palavras chegam e ocupam o lugar vazio. Lindo! Bjs.

Paulo Cesar PC disse...

Catita, um beijo no seu coração minha querida. É a poesia nos invadindo a alma e se abrigando em nossos corações. O autor de poesias é o mágico das palavras. É isso que você é também Catia, uma mágica das palavras, pois só que as escrevem conseguem lhes dar vidas.

Dulce Morais disse...

As noites sem sono permitem sonhar de olhos abertos e estremecer em versos de bela forma.
Parabéns!

Por Amor disse...

Catita ...muito lindo e o fechamento Me fez estremecer um beijo Pedro Pugliese

R. R. Barcellos disse...

Belíssimo ensaio, Catia. As palavras dançando em perfeita harmonia... parabéns!

R. Vieira disse...

"Vida vazia esvazia o processo"

Que profundo este pensar Catita. fico aqui imaginando quantas vezes estamos a andar assim e não nos percebemos... que a vida seja sempre estremecida e que os rumos sigam em outra direção! ;)

Gostando muito dos teus poemas!!!

Ani Cristal disse...

Boa Noite,



Passei para desejar que a semana que inicia seja repleta de amor e grandes realizações.

Beijos
Ani

D. Garcia disse...

Estremeço com vida não vazia e processo perfeito e completo, que nunca haverá de destemperar. E na melodia em que dançam palavras e gestos se integram. Então estremeço uma outra vez com beijo fugidio na louca cama que se estende...

Lindos versos, Catita, meu amor!
Inspirados e profundos!!!

Um beijo carinhoso.
Teu Dan.

EDER RIBEIRO disse...

O final do poema vc fechou com chave de ouro. bjos.

Toninhobira disse...

Os versos que perambulam pela longa noite, se tocam simplesmente compondo uma canção de nivar para o coração sonhador.
Linda construção Catia.
Meu terno abraço e bela semana de paz e luz.
Bjo.

Marcos Mariano disse...

Oi Cátia, belos versos, tens uma maneira única de lidar com as palavras fiquei encantado com a poesia. E quem é que não estremece quando tocado intimamente no corpo na alma e no espirito.

Abraços

Blog do Óbvio - Manoel disse...

Catita, sua poesia é muito dinâmica. Até sem sono persegue um consorte.
BeijosSeus
Manoel

Rô... disse...

oi Catita,

a lei do equilibrio,
quando falta o sono,
sobra inspiração...

beijinhos

Marco Rocca disse...

A mente que desconforta os versos,
é reverso de tantos tremores...
Além do fim de cada estrada,
perdem-se, inúmeras lendas,
altivos amores...

Lindo poema, amiga Catia!

Bia Hain disse...

Oi, catita! Vim retribuir sua visita ao meu blog, seu espaço é lindo e seus escritos, idem. Virei seguidora, um abraço!

Tunin disse...

Este teu Estremecer me deixou tonto pelos belos versos.
Abração.

Sissym disse...

Estremece as ideias, o instinto!


Bjs

Paulo Francisco de Araujo disse...

Também gosto do jeito que você trabalha as palavras. Tem um ritmo muito seu cada palavra escrita.
Um beijo grande

quem és, que fazes aqui? disse...



Gostei se sentir, para além do significante e do significado, o sentido sonoro das palavras.

Beijo

Laura

R. Vieira disse...

oiee,

Passando aqui para lhe oferecer um presentinho lindo que recebi esta semana.

espero que goste .))

beijocas!!!

http://diariosdesafios.blogspot.com.br/2012/11/premio.html

Vanessa Barbosa. disse...

Lindo Cátia, parabéns pelo dom com as palavras.
Beijos e até logo mais.