07 dezembro 2012

Vento





















Vento que ora lamento
Vento que ora alimento
Vento que sempre implora
Vento que por mim, ora
Fazes fé
Fazes amar
Fazes querer....
Seja comigo amigo
Seja pra mim amigo
Amigo que canta, o vento





















31 comentários:

✿ chica disse...

Lindo e que o vento seja sempre bem amigo, cantando lindas canções...beijos,chica

Ana Bailune disse...

Também amo o vento de paixão... lindo poema!

Rô... disse...

oi Catita,

adoro o vento que sopra que trás aromas e sensações...
vento meu amigo também...

beijinhos

Assis Freitas disse...

ventos e inventos, só pra o vento


beijo

Pedro Luis López Pérez (PL.LP) disse...

Ese Viento que es cómplice y amigo de nuestras brisas de Esperanza y Aliento.
Un abrazo.

D. Garcia disse...

Esse vento que inventa
Traz de longe histórias
Que na alma assenta
E permanece na memória
Provoca o coração
Invoca o sentimento
Renova a emoção
E aspira um outro vento

Catita, Bela minha, esse vento que te traz, ventila no coração o desejo de eternizar-te na aspiração do nosso amor.
O vento vem como a poesia, deixa sua brisa, encanta, inebria, tal qual o teu poema, de beleza aurífera e serena.
Receba nos teus os beijos meus.
Teu
Daniel.

Dalva Rodrigues disse...

Ah o vento...indomável...
Linda poesia, Catia!

Beijos!

Guaraciaba Perides disse...

Oi, Catita...quem conhece o caminho do vento, de onde vem e para onde vai? Por isso ele é poético e atraí o pensamento do mistério.Um abraço

Francisco M. disse...

Hola amiga,

Encontré de casualidad tu blog mientras visitaba el de una amiga, me resulta agradable y encuentro temas interesantes.

Dicen que en función de nuestras emociones, se produce un efecto contagioso que nos llena de felicidad y a mi, me ha pasado con tu blog, por ello te doy las gracias.

Te añado a mi lista de blogs de interés y me pasaré siempre me que me sea posible, para leerte.

Si te apetece, puedes pasarte por felicidadenlavida

Un abrazo grande y sigo a la espera de nuevos temas, para disfrutar de textos interesantes.

Majoli disse...

Catita, que o vento que te toca seja sempre pra te acalentar.

Beijos com carinho.

valeria soares disse...

Vento - movimento necessário sempre.

Muito bom texto.

R. R. Barcellos disse...

Tuas rimas preciosas
São a meus olhos atentos
Como um vento das rosas
Ou uma rosa dos ventos...


Beijos de Niterói, onde o vento faz a curva...

Milene Lima disse...

Amo a beleza e vontades do vento. Gostava de ir pra onde ele me levasse.. E de voltar só depois, só depois.

Viva a poesia... e o vento.
Abraços.

Mary disse...

que o vento sempre nos traga bons perfumes, boas lembranças, bons momentos.. lindo.. beijos mil e ótimo findi amiga..

Calu disse...

Viajante destemido
condutor audaz
venta, revira, remexe
mostra do que é capaz.

Aproveitando a brisa inspiradora que por aqui sopra, deixo-te esta trovinha, Catita, querendo que este vento seja sempre renovador e portador de boas coisas.
Bjos,
Calu

INTEGRAL DE MIM E DE MEU TEMPO ! disse...

Que o vento te sopre sempre notas musicais de paz e amor.
Que o vento te embale os sonos e as esperanças...

Leninha disse...

Catita querida,

Meu coração voou com teu vento..."vento diga por favor, adonde se escondeu o meu amô"...e teu poema me encantou tanto quanto a melodia da minha juventude.

Lindo, lindo, lindo!!!

Bjssssss,
Leninha

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

Que o vento te sopre sempre poesias lindas como esta que acabei de ler.


Um beijinho com carinho
Sonhadora

Bergilde disse...

Sua poesia soa como uma linda melodia.Bons ventos me permitam de sempre por aqui passar e delas também saborear,abraços!

Dorli disse...

Oi Cássia
Poucos versos que encantam quem os lê.
Beijos no coração
Lua Singular

Martha Marquez disse...

Cátia, minha linda, que o seu vento permaneça seu amigo,
beijos,
Martha

Tacianna Vieira disse...

Nossa adorei teus textos são demais, segui aqui :3
http://taah-minhavidameujeito.blogspot.com.br/

Dorli Silva disse...

Oi querida
Obrigada pela visita no Mundo dos Inocentes. Dê uma olhada no Lua Singular.
Beijos
Lua Singular

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Catia
Me desculpe, mas depois de tanto tempo acabei perdendo alguns contatos.
Obrigado pela visita e pelo carinho.
Bjux

Aleatoriamente disse...

Oi Catita, gosto muito do vento, ele me "diz" coisas tão bonitas.
Lindo poema.
Beijão

Rovênia disse...

Olá Cátia,

Não passava por aqui há um tempinho. Um vento me trouxe, eu acho!

Abraço grande!

Paty Michele disse...

Adoro poemas que falam sobre a nossa relação com a natureza. Senti o vento batendo nos meus cabelos qdo li,
:)

Um bjão, Catita.

Fatima disse...

Oi Catia! obrigada por visitar meu Blog e começo a te seguir agora.

Um abraço

Bia Hain disse...

Ainda hoje fui na janela e fiquei sentindo o vento batendo no rosto...bela poesia, sempre que o vento passa leva um pouquinho do que somos com ele. Um abraço!

Toninho disse...

Ouço a cantiga do vento e deixo que ele leve meus pensamentos e purifique meus sentimentos.
Aplausos na construção/inspiração, o vento sempre nos convoca para uma viagem.
Um abração Catia.
Bjo

Suelen Muniz disse...

Vento me lembra liberdade,pureza,simplicidade.
E como não admirar as coisas simples que a vida nos dá?!
Uma ótima semana Cátia,abraço,=)