26 outubro 2012

ALMA SEM TRAUMA













Animada alma
Luta firme e sem trauma
Sobeja luz
Mar de amor sem calma
Lúcida fonte de ternura
Azar de algoz sem finura
Cálice de sonho reproduz
Soberba em cores de neon avança
Anfitrião de fé (e com fé) alcança
Atmosfera preenchida de sensações
Barco de saudade inspira emoções
Saudades de sentir
Saudades de surgir
Saudades de gerir
Desejos de possuir





(Catita)









20 comentários:

D. Garcia disse...

Quando o barco da saudade navega no mar de amor, canções de sereias vêm encantar a alma de luz que vagueia em atmosferas de sensações.

Com fé e com amor, os desejos se completam e se alcançam; brindam com seus cálices de sonhos e reproduzem sentimentos de ternura.

Versos lindos que inspiram a gente a sonhar e velejar em mares de cores e amores, Catita!
Adorei essas saudades flutuantes!!!
Beijos carinhosos, Minha Querida!
Dan.

Pedro Luis López Pérez disse...

Especial y llena de sugerente Ternura.
Un abrazo.

Maria Teresa Fheliz Benedito disse...

Que lindo Cátia!
Amei seu poetar!
Parabéns!
Lindo final de semana...bjs

Célia Rangel disse...

Oi, Cátia!
SAUDADES! Elemento que nos plenifica em amor vivido!
Bj. Célia.

Lua Negra disse...

Sentir...
Amizades como a sua.
Surgir...
Sensiblidade como tens...
Gerir...
Carinhos eternos.
Possuir...
Amor infinito pelo que é simples e belo.

Tenha um lindo final de semana querida amiga poeta.
Beijinhos de mirra.
Lua

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Lindo Cátia!Adorei!
bjs.
Carmen Lúcia

Paulo Francisco de Araujo disse...

Mar de amar...
Cátia, cada vez melhor
Um beijo grande

Por Amor disse...

Catita querida lindo discorrer ...neste poema belíssimo ...Falar de saudade eu sou suspeito rsrsrs ...vivo transformando esta em esperança...lindo minha amiga um beijo Pedro Pugliese

Mery disse...

"Barco de saudades inspira emoções Deliciosa saudade(?)
# Sim* ...
Saudade* a gente até acostuma... "teimosa ela...e doce!

Catinha "a foto do perfil tá bonita mas gostava "daquele sorriso da outra... Lindo!
Beiju*
fica c Deus *

Maria José Rezende disse...

Olá amiga Cátia. Como sempre, deixando a sensibilidade aflorar nas palavras. Beijos.

Leninha disse...

Este barco de saudades nos leva para o mar das emoções mais ternas...joguei aqui a minha âncora e senti todo o sentimento de teus versos...magistrais, Catita querida.

Obrigada pela doçura.
Bjssssss,
Leninha

Dorli disse...

Olá Cátia
Você não é uma aprendiz de poetisa, é uma poetisa e das boas, se publicar um livro, com certeza vou comprar um.
Obrigada pela visita
Lua Singular

Everson Russo disse...

Que tenha sempre luz essa alma que encanta amor...beijos amiga e um belo final de semana pra ti.

Paty Michele disse...

Com uma alma sem trauma a vida fica bem mais fácil, né? Gostei muito!

bjs

Amanda Lemos disse...

Muito interessante o Blog !

Muito difícil encontrar na “ blogosfera “ espaços originais e bacanas como este !

Deixo aqui meu espaço, caso queria dar uma olhada, seguir...

http://www.bolgdoano.blogspot.com.br/

Muito Obrigada, desde já !

Blog do Óbvio - Manoel disse...

Catita, alma sem traula, muita ternura e vida calma.
Beijos
Manoel

Everson Russo disse...

Um belo sábado pra ti minha amiga,,,muitas flores e poesias...beijos e beijos...

Anne Lieri disse...

Catia,é o amor que ilumina esses belíssimos versos!Adorei!bjs e meu carinho,

Fred Caju disse...

"Sabeja luz" é um verso da porra!

jjcruz disse...

Versos intenso cara Cátia! Gostei muito! Passa no meu blog que tem um presente para ti. Leia a postagem "Duplamente presenteado".... estou te aguardando. Um abraço!
http://jjcruzfilho.blogspot.com.br/