29 agosto 2011

Sem olhar para trás?

...a se pensar...







Ser o que se escreve, ou escrever o que se é?

Infâmias-loucuras-insanidades...

Expressar-se em gestos e palavras é ter personalidade,

Narrar um comportamento é ter coragem.

É encontrar lá na frente um mundo de descobertas e sonhos, 

Um mundo de fantasias e quedas...

Só não se pode olhar para trás...


Quem olha para trás é porque procura algo,


Ou esqueceu algo...


Ou ainda porque se arrependeu de algo...


Quando se escreve, não se pode voltar atrás


Se escreveu, vira fato!


Quase vira lei! É imutável. É imexível. 



Portanto, nunca se arrependa de ter usado um ponto no lugar da virgula 


Faça de tal maneira que uma virgula vire um destino,


Destino que anseia!


Fogo que arde!


Paixão que consome!


Pense que lá adiante, num futuro errante


Alguém irá agradecer-te por não ter parado e abdicado de uma sina...


A sina da escrita!!! 

Sem olhar para trás?



-fim-








(Tirinha-extra:
'Um poeta que se preza, não olha para trás. Ele apenas sente saudade... mas segue adiante!')


As vezes penso voando...
Sonho flutuando...
Flutuo sonhando...
E acordo sorrindo... 
Com os olhos abertos...


Catita.





31 comentários:

Gilmara Wolkartt disse...

Cátia querida,
Acho que a poesia é a melhor expressão que existe e ela tem dito muito por mim....
Agradeço as palavras.
Gd beijo

Rô... disse...

oi Catita,

olhar para traz realmente não vai mudar nada,
melhor escrever sobre o que
está a nossa frente...
os poetas são sábios...

beijinhos

MOISÉS POETA disse...

Isso ...! sempre é preciso fibra nas palavras !

Um beijo !

Artes e escritas disse...

Um poema com alma de poeta, é assim mesmo. Um abraço, Yayá.

F.H.Canata disse...

Olá Catia querida!

Desta vez, tomarei suas palavras como um ensinanento valoroso. Nunca tinha lido qualquer reflexão como esta. sabes que sou um grande apreciador de teus escritos, mais tenho cá pra mim apartir de hoje, uma preferência especial por esta aqui.

Lindo demais mesmo viu!
Abraços meus a Você e a pequena Lívia!

Marly Bastos disse...

Eita que hoje está inspirada!
Creio que o poema nao contém o poeta, mas com certeza o poeta está contido nele, através das suas impressões, dos seus sentimentos, de coisas que viu, que ouviu, que sonhou, que idealizou... Poema é como filho, tem a metade dos nossos cromossomos, a outra metade é outra história.
Olhar pra trás? Nem pensar, isso nos faz parecer com caranguejo e isso não sou! Sempre avante!
Beijokas doces querida cátia.

ValCruz disse...

kkkkkkk, agora sei porque não levo jeito pra escrita, e nem para poetiza... Porque eu acabo sempre dando uma olhadinha pra trás!

Valeu Catita, gostei muito.

Meu beijo.

ps.: como vc disse: poesia é poesia e cabe em algum lugar... né! Pois é!! Por isso aqui estamos, se não fosse por ela, o que seria de nós hein menina linda?!

Vera Lúcia disse...

Olá Catita,
Brilhou na inspiração!
Acho sempre enigmático o expressar
dos poetas. Talvez porque eu não seja um deles, mas adoro saborear poemas
e poesias.
Beijos.

Reinaldo Fonseca - Pascom Paroquial disse...

Olá! Tava inspiradinha como sempre - parabéns! Seu blog é 10!
Quando vc acessa o nosso blog e deixa seu comentário é motivo de alegria para nós. Obrigado pelo carinho.
Grande abraço na Paz e no Amor de Cristo,

Reinaldo

Arnoldo Pimentel disse...

Um lindo e intenso poema, beijos.

Sandra Mitsue disse...

Oi Catita...
Lindo...Parabéns!!!

'Um poeta que se preza, não olha para trás. Ele apenas sente saudade... mas segue adiante!')

Por isso que sou simplesmente uma admiradora da arte...
Beijos!
San....

✿ chica disse...

Muito lindo e bem reflexivo...Escrevemos, olhamos tempos depois e seguimos...beijos,chica

Ives disse...

O passado esta em nós, pq o sentimos como djavu, mas não entramos nas dimensões que se apresentam, por não termos força, ainda! abraços

Severa Cabral(escritora) disse...

Libriana minha linda!
Bom vim aui e sentir seu cheiro,kkkkk,toda linda né!
Uma escrita em verso que atrai na leitura e nos leva à pensar...
Bjssssssssssss

Ivone Poemas disse...

lindos versos, pois o poeta sempre coloca o que sente, mas nem sempre o que ele escreve é o sentimento dele, pois poeta sabe sentir até mesmo o que nem sequer percebe, pois a alma é universal!
Abraços e parabéns, lindos versos!!!
Ivone poemas
henristo.blogspot.com

noites bem montadas disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Majoli disse...

Um poema lindo e verdadeiro.
Eu já me cansei de olhar pra trás, e de nada adiantou.
Quero escrever o meu hoje, com convicção, para que o meu amanhã seja de muita emoção.

Beijos querida Catita.

♫ ♪ Wilson Miguel ♫ ♪ disse...

Bom dia, Catita!

Escrever é a forma mais simples e ao mesmo tempo complexa de falar aquilo que existe de mais verdadeiro dentro de nós. Na dor ou no amor escrever é um exercício de purificação.

Olhar para trás muitas vezes é alimentar a própria dor.

Um abraço super carinhoso e que sua semana seja repleta de bençãos

Deus seja a tua luz

valquiria silveira disse...

Há pessoas cometas e há pessoas estrelas.Os cometas passam, apenas são lembrados pela data que retornam e depois desaparecem. ''As estrelas permanecem''.VC É UMA ESTRELA BJ É ESPECIAL !!!

Aclim disse...

Catita, que lindo. Temos que ser nós mesmo.

Abraço linda

Maravilhoso seu post

Meire disse...

Cat querida amiga, com certeza quem escreve deixa um pouco da sua alma na escrita. É amiga e dali vírgulas cheias de encanto e doçura nesse seu cantinho que me enche de coisas boas o coração. Sentir saudades do passado vale, só não vale ir pra lá e num voltar mais.

Posso ter me encontrado nos seus versos??
"As vezes penso voando...
Sonho flutuando...
Flutuo sonhando...
E acordo sorrindo...
Com os olhos abertos..." isso quando acordo rsrs

bjokitas com muito carinho!!!
:)

Van disse...

acho que sempre se escreve o que se é.

Beijos Catita!

Catia Bosso disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jardim das poesias infantis/Magia em versos disse...

Oi Catia!
Sempre bom receber ter sua presença no meu cantinho.
Tens toda razão menina, para que olhar para trás?
Escrever é uma belíssima terapia e um bom meio de podermos fazermos amigos.
Um grande abraço com carinho

Leninha disse...

Querida Cátia,você tem o Dom...de escrever,de "poetar",de sonhar acordada...que Deus te conserve sempre assim.
Bjssssss carinhosos,
Leninha

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Catia
O peta escreve o que lhe vai na alma, seja real ou fantasia, mas o passado também faz parte da sua estória, por isso acho muito difícil ignorá-lo.
Bjux e bjux

Imac by Artes disse...

Catia querida!
Como é bom chegar aqui!
Dá para relaxar, encantar e sonhar sem olhar pra trás... Porque anseio viver o presente.
Abraços! Uma noite iluminada pra ti.

Poesias Partidas disse...

Perfeito esse final. Parabéns amiga Cátia Bosso, sumida como sempre... Saudades sentimos de você, apareça mais e mais, não suma de nossas vidas, tá?

Boa semana!

Abraços

♪ Su the best♫ disse...

Maravilhoso,essa coisa de olhar pra trás só é boa qndo é pra sentir saudade de bons momentos que se foram,agora ficar remoendo,sofrendo,isso aí é o que a gnte deve evitar sempre!Boa semana pra vc!=)

Tatiana Kielberman disse...

Que bom poder olhar para trás e relembrar momentos sublimes da vida!

Beijos, querida...

Paulo Sotter disse...

Olhar para a frente é permitir que a inspiração flua e que o dom manifeste-se sem correntes, sem grilhões. Parabéns pelo lindo post. Gosto muito do teu blog.Um grande abraço!