03 maio 2011

Dialogado...





Falar, trocar letras, sentir, esperar...




Expectativas de um tempo que ainda virá,
Noções de um caminho estranho a surgir,
Aves de uma época que se achega,
De mansinho, (devagarinho), com jeitinho, com carinho...
Pensamento na imensidão do mistério.
Força forte na mesura do contato...
Mãos que se tocarão!
Almas que se acharão!
Corações que se encantarão!
Propósito a elucidar uma emoção
Motivo bem traçado sem o não...
Flores e espinhos pulsando na razão!










21 comentários:

Rô... disse...

oi Catia,

não existe flores sem espinhos,
mas o segredo está em vermos a beleza da flor...

adorei sua visitinha no meu cantinho,
obrigada pelo carinho,
beijinhos

Arnoldo Pimentel disse...

Passando para desejar-lhe um lindo dia, saudades, beijos.

✿ chica disse...

Lindas expectativas, sempre importantes e inspiradas...beijos,ótimo dia,chica

Tatiana Kielberman disse...

Bom dia, Catia!!

Muito lindo o seu poema... e intenso também!

Tudo virá no seu tempo certo: escolhas, espinhos, alegrias, tristezas e conquistas!

No fundo, tudo é aprendizado...

Beijo carinhoso!

Dois Rios disse...

Oi, Cátia!

Muito bonita a sua poesia, as imagens e o blog em si.
===
A vida se alimenta de expectativas. Pobre o ser que não tem mais nada a esperar.

A espera, ainda que as vezes crie angústia e ansiedade é o mesmo que sonhar de olhos abertos.

Beijos,
Inês

Van disse...

e já podes sentir o tempo que virá, sinal que está chegando

Beijos Cátia!

End Fernandes disse...

Nada melhor que a praça deserta para um encontro =]

Bjuuus

End Fernandes

Fabiola disse...

Expectativa de que o novo chegue manso , de leve, inteiro. Lindo texto ! Beijos, com carinho, Fabiola.

Multiolhares disse...

na imensidão do tempo tudo continua um mistério, só as almas o entendem
bjs

Jasanf disse...

Realmente o diálogo para o eu-lírico é o que o move, o que o contagia e o que o deixa na expectativa dos fatos acontecerem.

Helio Thompson disse...

Algumas vezes, se pensa ser possível entrar na mente de quem escreveu uma poesia. Como se o juntar das palavras, fosse possível decifrar cada frase. Mas não importa, essa é a magia da poesia; ler e sentir as palavras em harmonia.
A poesia
fascina,
atrai,
encanta.

Parabéns pela sua linda poesia!

Um abraço.
Helio

margoh werneck disse...

Hoje fiz o post do selo the versatile blogger.

Vim te contar e agradecer por ter me escolhido.

Beijao

Fátima disse...

Menina linda e sorridente
Tem um presente lá na Maraláxia para vc- Um Meme
Vc passa lá para pegá-lo?
Bjs
Com carinho
Fátima

MARILENE disse...

Sempre estamos a alimentar expectativas para o que virá. E o fazemos com ansiedade. É parte de nossas vidas.

Bjs.

Toninhobira disse...

Lindo este pensar alimentando a alma de coisa belas e não findas.Adorei Catia.Meu abraço de paz e luz.

Vinicius.C disse...

Olá Poeta!!

Sempre espero e continuo esperando- o que- faço ideia!

Beijo enorme perdoe meu sumiço!

Um ótima noite!!

Te espero no Alma.

Lorrayne disse...

Oiie, retribuindo a visita,
que belissima poesia! Estarei sempre aqui no seu cantinho...
Um beijo.

Mariazita disse...

Olá, Catia
Vi sua imagem como minha seguidora e resolvi vir conhecer seu espaço.
Gostei muito. A sua poesia é muito boa.
Voltarei com mais tempo, logo que eu tenha mais tempo:)

Boa semana. Beijinhos

PS - Vou já fazer-me sua seguidora. Obrigada!

Ranzinza disse...

Olá Catia, depois de trinta dias em casa, nada como descansar de volta ao serviço...
Obrigado pela visita.

Carolina M. disse...

Obrigada pelo comentário no meu blog, você escreve muito bem, adorei o seu blog. Um beijo e um abraço.

Will disse...

Tão bonito uma flor conjecturando no ar o pólem da eseperança do encontro.

Abç.